Funciona ou não? post image

Funciona ou não?

Serão realmente eficazes os treinos EMS (estimulação elétrica dos músculos), os géis de modelação para a barriga, os cinturões especiais e os aparelhos para criar um abdômen sarado?

Treinamento EMS – não funciona

A publicidade do método EMS, electrical muscle stimulation, das marcas Bodytec, Miha, Teex e outras, promete criar músculos fortes e barriga sarada com apenas vinte minutos de exercícios por semana, bastando para isso ligar a determinadas extremidades musculares uns determinados eletrodos.

No entanto, o método EMS mostrou ser eficaz apenas em pessoas que sofram de paralisia. É claro que nestes casos a estimulação elétrica dos músculos consegue aumentar o tónus destes, mas de modo algum aumenta o volume do músculo, queima gordura ou substitui o treinamento de força(1).

Cinta modeladora e emagrecedora – não funciona

Entre os artigos típicos de qualquer TV Shop pode se encontrar variação das cintas EMS e dezenas de outros dispositivos que ajudam a perder peso: aparelhos vibratórios, massageadores com infravermelho, cintas de massagem, cinturões e calções com efeito de sauna e outros dispositivos exóticos.

Todos esses aparelhos têm em comum o fato de que simplesmente não funcionarem, uma vez que não é possível reduzir o tecido adiposo por ação mecânica na superfície da pele. Além disso, um uso excessivo desses cintos e aparelhos pode mesmo ser perigoso para os órgãos internos.

Super aparelhos para o abdômen – não fazem sentido

Geralmente, nessas já referidas TV Shops tem sempre, depois da seção das cintas de emagrecimento, a seção dos super aparelhos para o treino caseiro do abdômen. Os nomes dessas máquinas impressionam por sua originalidade: Ab Raider, Ab Gymnic, Ab Rocket, Ab Twister, Ab Treinador, etc.

A FitSeven já escreveu antes que, não obstante o fato de esses aparelhos funcionarem em certa medida, a sua eficácia é menor do que os tradicionais abdominais. Além disso, é importante lembrar que a queima de gordura exige dieta e alimentação equilibrada e não apenas uma repetição de exercícios.

Massagem – só em casos excepcionais

Os salões de beleza oferecem inúmeros tipos de diferentes wraps, massagens modeladoras e anticelulite e outros tratamentos. Os “especialistas” da indústria da beleza não cansam de repetir aos clientes o “fato comprovado” de que quanto mais a gordura for amassada, mais rápido ela vai queimar.

No entanto, pesquisas científicas concretas refutam este fato. Apesar de, em caso de grandes acumulações de gordura a massagem realmente melhorar ligeiramente a circulação sanguínea nos tecidos, o seu efeito de queima é mínimo. Especialmente para aqueles que não são obesos.

Geis modeladores – funcionam só parcialmente

As variações masculinas dos cremes anti-celulite – Biotherm Abdosculpt, Clarins Men Ab, Fat-Fader Body Toning, Aviator Abdominal Toning e muitos outros – prometem todos a diminuição da cintura e o realce dos músculos abdominais imediatamente após a aplicação de um creme muito caro.

Lembre-se que a pele é um importante mecanismo de proteção e simplesmente não deixa entrar para dentro do organismo qualquer substância. O efeito gerado por esses produtos, obtido principalmente através de uma ligeira contração da pele, desaparece assim que você toma banho e o gel sai da pele.

Comprimidas para emagrecer – parcialmente

A produção de suplementos para perda de peso é a maior na indústria de suplementos esportivos. Centenas, senão milhares, de diferentes marcas prometem redução de peso de modo rápido e fácil, sem qualquer esforço físico ou restrição alimentar.

A única classe de fármacos legais que realmente funciona é a dos termogênicos contendo em sua composição o queimador de gordura ioimbina. No entanto, mesmo esses suplementos de musculação são eficazes apenas quando combinados com uma dieta racional e exercícios de cárdio.

Lipoaspiração – funciona

Na sua essência, a remoção cirúrgica de gordura conhecida como lipoaspiração é um dos métodos mais radicais de luta contra o excesso de peso. O passo seguinte é o bypass gástrico, que cria uma limitação significativa no tamanho do estômago de até 30 cm3.

É importante ter noção que a lipoaspiração é uma cirurgia bastante séria, que em muitos casos requer anestesia geral. Nós recomendamos fortemente que considere essa opção apenas em última instância, quando todos os outros métodos não ajudam.

***

Os aparelhos mágicos das TV Shops e a técnica de EMS não fazem sentido e não conseguem criar um estômago chapado ou sarado. As empresas norte-americanas que vendem técnicas de treinamento EMS têm sido repetidamente processadas por propaganda enganosa(1).

Referências:

  1. Cinching Your Belt Without a Crunch, fonte

Data da primeira edição:

  • 29 de janeiro de 2014

Adicionar novo comentário: