TRX: treinamento suspenso post image

TRX: treinamento suspenso

Treino com utilização de fitas TRX 'Suspension Training' e exercícios de suspensão executados com o peso corporal. Criação de um corpo atlético sem aparelhos, pesos ou halteres.

O que é o TRX?

O aparelho de TRX é uma simulação de anéis de ginástica (as fitas de TRX suspensas, ‘Suspension Training’) fixados no teto, parede ou barra. Estas fitas são feitas de nylon bem resistente e têm no final um laço para as mãos ou os pés.

A fixação livre das tiras TRX permite executar numerosos exercícios com o peso do próprio corpo, engajando no trabalho tanto os músculos estabilizadores, quanto as articulações e ligamentos. Acima de tudo, este treino desenvolve a resistência e a coordenação.

Aparecimento

O sistema de treinamento TRX Suspension Training foi desenvolvido em meados dos anos noventa por Randy Hetrick, ex-membro das forças especiais dos “Seals” da Marinha dos EUA. O TRX ganhou popularidade em 2005, após a primeira campanha publicitária.

É importante notar que o TRX é apenas uma das marcas comerciais de fitas – a mais conhecida de todas – para o treinamento suspenso (suspension training). Entre outras marcas de equipamentos semelhantes podem referir a zTrainer, a FKPro e a alemã aeroSling ELITE.

O que diferencia as várias marcas?

Cada fabricante de fitas para treino suspenso garante que os seus produtos e sistema de treinamento são simplesmente os melhores e que tudo o resto são imitações baratas de má qualidade. Um conjunto clássico de TRX custa cerca de 200 dólares, enquanto um conjunto que não seja de marca ronda os 50-70 dólares.

Para aumentar o lucro (uma fita de nylon e um sistema de montagem não são tão caros assim) as empresas oferecem, juntamente com o equipamento, um sistema de treinamento exclusivo. É importante ter alguma atitude crítica no que se refere a tais métodos de aumento do preço à custa de afirmações publicitárias.

Suspension Training: vantagens

A principal vantagem das fitas do treinamento suspenso é a sua característica compacta. O conjunto completo, incluindo a fita e travas de fixação, não pesa normalmente mais do que um quilo. Na sua essência, desde que existam pontos de fixação é possível treinar em todas as condições.

Uma vez que o equipamento TRX foi originalmente criado com a finalidade de fazer treinos de força na ausência de pesos, halteres e outros aparelhos, a metodologia recebeu o merecido reconhecimento nas unidades de missões especiais das forças armadas, na polícia, nos bombeiros e assim por diante.

Benefícios do treinamento

Como já mencionamos acima, o treinamento suspenso melhora significativamente a coordenação e a resistência dos músculos. O trabalho envolve uma variedade de pequenos músculos estabilizadores que não são normalmente ativados durante o treinamento de força normal e exercícios básicos.

O treino com fitas suspensas é uma ferramenta eficaz para o desenvolvimento harmonioso dos músculos e para criar uma figura atlética. Ao longo dos treinos vai se formando a postura naturalmente saudável, uma vez que a pessoa aprende a “manter” o seu corpo corretamente.

Melhores exercícios com TRX

  1. “Flexões com pés fixos» (Atomic press-up)A execução da versão clássica deste exercício é igual à flexão comum feita no chão. A versão mais complexa pressupõe a combinação das flexões com a puxada das pernas ao peito. Principais músculos ativos: peito, braços, ombros e abdominais.
  2. “Barra fixa com puxada à cintura” (Low row)Segurando as fitas, incline-se lentamente para trás, mantendo o corpo reto. No ponto mais baixo relaxe pela primeira vez os braços e os músculos da cintura escapular e, em seguida, puxe as fitas, elevando-se a si mesmo à custa do trabalho dos grandes músculos das costas. Principais músculos ativos: costas, braços.
  3. “Levantamento lateral do deltóide” (Clock press)Segurando as fitas, baixe lentamente o corpo, mantendo-o sempre direito. No ponto mais baixo estique o braço direito para o lado e, em seguida, volte com ele à posição inicial. Repita esta ação com o braço esquerdo. Principais músculos ativos: ombros, braços, peito.
  4. “Pike” (Pike)Assuma a posição inicial semelhante às flexões com pés fixos. Puxe lentamente as pernas para si, forçando a subida do quadril. Tome atenção para que sejam particularmente engajados no exercício os músculos abdominais. Principais músculos ativos: abdômen, músculos do quadril.

***

Importante para a formação de postura atlética, o treinamento com fitas suspensas (suspension trainin) pode ser usado como um substituto do treinamento de força em quaisquer condições. A mais famosa marca de equipamento para este tipo treino é a TRX.

Data da primeira edição:

  • 21 de janeiro de 2014

Adicionar novo comentário: